Facebook Instagram Youtube WhattApp73 99119-1758

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Haddad quer indicar réu por caixa 2 para ser tesoureiro de sua campanha à Presidência


O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, quer indicar um réu como tesoureiro de sua campanha. De acordo com o jornal Valor Econômico, o petista deve nomear Chico Macena, que foi secretário de Governo da prefeitura de São Paulo na gestão de Haddad. Macena é réu, junto com Haddad, sob acusação de caixa 2 nas eleições de 2012, quando o petista se sagrou prefeito de São Paulo. Os dois estariam envolvidos no esquema que destinou R$ 2,6 milhões para a campanha do presidenciável, pagos pela UTC Engenharia. Macena substituirá o ex-ministro Ricardo Berzoini.