Facebook Youtube WhattApp73 99195-4225

segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Chico Rodrigues diz a senadores que dinheiro escondido na cueca era para pagar funcionários


O senador Chico Rodrigues (DEM-RR) tem dito em mensagens enviadas a colegas parlamentares que o dinheiro que escondeu na cueca, encontrado pela Polícia Federal, seria para pagamento de funcionários.Segundo o blog do jornalista Valdo Cruz, do G1, a justificativa faz parte da estratégia de defesa montada pelo senador para evitar o afastamento dele do mandato. Na mensagem, ele afirma também que “nunca tinha sido acordado pela polícia” e que, “num ato de impulso, protegi o dinheiro do pagamento das pessoas que trabalham comigo.”Senadores avaliam que a explicação de Rodrigues será questionada e que ele precisa comprovar principalmente a origem do dinheiro que estava em sua casa. Se não conseguir deixar isso claro, o entendimento dos colegas é de que o recurso seria ilegal.Na mensagem, ele diz ainda que agiu de impulso e porque “se levassem aquele dinheiro ninguém iria receber naquela semana”. Segundo afirmou o senador a colegas, “não era dinheiro de corrupção.”Cabe ao Senado avaliar se mantém ou não a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, que ordenou o afastamento do senador do mandato por 90 dias. Ainda não há data para apreciação do caso pelos parlamentares. A medida também será analisada pelo plenário do STF na próxima quarta (21).Chico virou o principal nome do noticiário político na semana passada, após ser pego pela Polícia Federal escondendo mais de R$ 33 mil entre as nádegas. O flagrante aconteceu durante operação que investiga desvio de recursos de combate ao coronavírus em Roraima