Facebook Youtube WhattApp73 99195-4225

segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Detentos de na Bahia são transferidos após brigas e mortes


Dez detentos do presídio de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador, foram transferidos para uma unidade de segurança em Serrinha, município a cerca de 69 km de Feira de Santana. A transferência ocorreu no último sábado (22). De acordo com a direção do presídio, a mudança foi realizada após o registro de brigas entre grupos rivais na unidade que resultaram esse mês na morte de dois presos. A primeira ocorrência de morte por agressão foi registrada dia 9 de agosto e a segunda na última sexta-feira (21). Nos dois casos, as vítimas foram socorridas para o Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana, mas não restiram aos ferimentos. Os detentos transferidos foram apontados como supostos responsáveis pelas agressões. Serão abertos inquéritos para apurar o motivo pelo qual esses crimes ocorreram, e os responsáveis podem ter suas penas agravadas. Este ano já foram contabilizadas três mortes no Conjunto Penal de Feira, de Santana. Além dos casos de agosto, no dia 21 de março, um detento foi enforcado em uma das celas no pavilhão 2, mesmo onde ocorreram os outros dois crimes. O homem que foi morto em março cumpria pena no regime semiaberto por estupro. O presídio de Feira é a maior unidade prisional do estado com 1,7 mil presos. (G1)