Facebook Youtube WhattApp73 99195-4225

segunda-feira, 18 de maio de 2020

Travesti sofre tentativa de homicídio e se finge de morta para escapar do ataque


Uma travesti foi vítima de tentativa de homicídio durante um programa na noite da última sexta-feira (15). Dhenife Salimeni, de 23 anos, precisou se fingir de morta para escapar do ataque do cliente. Em entrevista à Record TV Itapoan, uma amiga da vítima contou que ela e o cliente conversavam há algum tempo, mas só resolveram sair na noite de sexta. O agressor teria levado a travesti de Salvador para Simões Filho e, ao chegar em um matagal, tentou roubá-la e começou o ataque. Ele só parou após ela fingir ter morrido. Com dezenas de golpes em todo o corpo, Dhenife foi socorrida para o Hospital Geral de Simões Filho. O suspeito, que também ficou ferido na luta corporal, está custodiado no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. Ruan foi autuado por roubo e lesão corporal. Ele também é suspeito de agredir outras travestis e transexuais.