Facebook Youtube WhattApp73 99195-4225

terça-feira, 19 de maio de 2020

Governadores devem ignorar novo protocolo sobre cloroquina do governo federal


Assim como o decreto que colocou salões de beleza, barbearias e academias como serviços essenciais, os governadores devem ignorar o novo protocolo do Ministério da Saúde sobre o uso da cloroquina em pacientes com coronavírus. Segundo a Coluna do Estadão, do jornal Estado de S.Paulo, os governadores não devem editar decretos para acompanhar as mudanças propostas pelo governo Bolsonaro, mantendo o que já vem sendo feito nos estados. O motivo é que não há comprovação científica que a substância tenha efeito, além de que, para os governadores, o novo protocolo não ajuda os estados nos principais problemas atualmente: falta de leitos e respiradores para infectados com Covid-19. A proposta com o novo protocolo para uso da cloroquina foi apresentada pela Saúde nesta segunda-feira (18) ao presidente Jair Bolsonaro. Foi este o motivo da demissão de Nelson Teich do cargo.