Facebook Youtube WhattApp73 99195-4225

sexta-feira, 27 de março de 2020

Prefeito de Brumado reduz salário dele e de secretários em 50% em ação contra Covid-19


O prefeito de Brumado, no Sertão Produtivo, sudoeste baiano, Eduardo Vasconcelos, reduziu o próprio salário e o de secretários, como medida para ações para reduzir despesas durante o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. Ao site Achei Sudoeste, Vasconcelos disse que o momento é de “austeridade” e não há como cobrar da população “sem dar o exemplo”. A intenção do prefeito é manter o prometido até em 90 dias, podendo ser prorrogado no tempo que durar os efeitos da pandemia. ”Alguns vão discordar e dizer que isso não representa muito em termos de economia, mas ainda que represente pouco em termos de dinheiro representa muitos em termos de exemplo”, declarou.