Facebook Instagram Youtube WhattApp73 99119-1758

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Por medalha olímpica, Isaquias deixará prova em que é campeão


Aos 24 anos, Isaquias Queiroz vive uma nova fase. Nela, o canoísta abrirá mão de provas em que inclusive é campeão mundial para focar no objetivo maior: a medalha de ouro em Tóquio 2020 nos 1000 metros da canoa individual (C1) e da canoa dupla (C2), únicas provas do programa olímpico. Nessa nova fase, Isaquias tem que dividir o papel de atleta com o de pai. Seu filho, Sebastian, completou um ano no último dia 25 de agosto, mesma data em que o baiano ganhou a medalha de bronze dos 1000 metros da C1 no Mundial de Canoagem, em Portugal. O jeito vai ser comemorar não o aniversário de um ano, mas de um ano e um mês. “Ô, vida de atleta é assim... Não mandei ele nascer na época de Mundial! Eu falei pra ele ‘me espera, me espera’, ele não quis esperar...”, brinca Isaquias.