Facebook Instagram Youtube WhattApp73 99119-1758

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Obra de filha de Temer teria sido paga em dinheiro por mulher de coronel, diz fornecedor


Reformas na casa de uma das filhas do presidente Michel Temer teriam sido pagas pela arquiteta Rita Fratezi, esposa do coronel João Baptista Lima Filha, amigo pessoal do peemedebista, em dinheiro vivo. De acordo com informações da Folha de S. Paulo, a Polícia Federal investigou a obra no imóvel de Maristela Temer suspeitando de que ela tenha sido bancada com propinas da JBS. A arquiteta e o coronel foram alvo da Operação Skala, deflagrada no final de março deste ano, que apura um esquema de corrupção para beneficiar empresas  do setor portuário com a renovação de concessões públicas. O dono de uma das empresas que entregaram material na residência da filha de Michel Temer, Piero Cosulich, proprietário da Ibiza Acabamentos, atestou que era a arquiteta quem levava o dinheiro na loja. “Foi Maria Rita Fratezi quem fez os pagamentos, em espécie, em parcelas. Os pagamentos foram feitos dentro da loja. Ela [Maria Rita] vinha fazer o pagamento. Se estava dentro de um envelope, dentro de uma bolsa, não sei te confirmar”, afirmou. Um recibo referente a uma das prestações à Ibiza Acabamentos tem o valor de R$ 12.480 e está em poder da PF. De acordo com o propietário da loja, cada pedido geralmente era dividido em no máximo três parcelas. O advogado da filha de Michel Temer afirmou que Maristela apenas prestará esclarecimentos sobre o assunto à Polícia Federal, caso seja chamada a prestar depoimento. *Do Bahia Notícias