Facebook Instagram Youtube WhattApp73 99119-1758

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Homem de 104 anos perde aposentadoria após ser dado como morto na Bahia


Um idoso de 104 anos perdeu a aposentadoria depois que o cartório da cidade de Alagoinhas, a cerca de 108 km de Salvador, descobriu que havia uma certidão de óbito no nome dele. O documento, emitido em 2008, foi encontrado depois que a mulher do aposentado tentou fazer uma nova identidade para ele, há 4 meses. “No cartório disseram que não tinham como liberar a identidade dele porque ele estava morto. Deram o atestado de óbito”, contou a dona de casa Maria da Conceição, de 51 anos, que é mulher do idoso. Segundo a certidão de óbito emitida no mesmo cartório em que a mulher esteve, Belarmino Alves dos Santos está morto desde de dezembro de 2003, há quase 14 anos. No entanto, o idoso esbanja saúde e precisa do dinheiro para sustentar a família, que tem duas crianças. (G1)