Facebook Instagram Youtube WhattApp73 99119-1758

domingo, 26 de março de 2017

Terceirização será analisada em reforma trabalhista; Temer deve sancionar texto

 
Mudanças no projeto de terceirização aprovado pela Câmara dos Deputados nesta semana deverão ser analisadas apenas na reforma trabalhista em tramitação na Casa. De acordo com o colunista Gerson Camarotti, do G1, uma reunião neste sábado (25) entre integrantes do governo e líderes da base aliada definiu o assunto. Com isso, a expectativa é que o presidente Michel Temer sancione sem vetos o texto aprovado pelos deputados. A decisão ocorre após parlamentares reagirem à possibilidade de a matéria ser sancionada depois que outra proposta sobre o tema fosse analisada pelo Senado. Segundo a publicação, o presidente iria aproveitar os dois projetos para realizar vetos sobre a terceirização. O argumento da base aliada é que os deputados sofreram desgaste para votar com rapidez a pauta e ficaria ruim para a Casa, se Temer aguardasse um posicionamento do Senado.